segunda-feira, 2 de maio de 2011

E agora José?

E agora Diego?
E agora Diego?
E agora Diego?

* O zumbido do silêncio é o som dos nossos fantasmas. Só ouve quem não está em paz.

8 Imundices:

maria elis disse...

e agora você fica em paz e o silêncio vai embora : )

saudade.

beijas :*

Alvarêz Dewïzqe disse...

os meus já nem ouço mais. zumbam, se é o que querem!

Cleia Lucena disse...

Quanto tempo heim?
Ja estou surda mesmo, ja nem ligo...

Fran disse...

Nossa, tempão que eu não te visitava... sorte que aparecestes lá no blog :D
Estou começando a aprender a tapar meus ouvidos... é a solução.

Beijão!

Rita disse...

E aí meu querido! qto tempo!!!
sumi, sumiste. Apareceste, apareci. Ai ai.
vlw pwla visita lá no Brejo, te respondi por lá tbm.
Estou numa correria louca no estágio, tcc, trabalho aff!, só de pensar já fico cansada, por isso dei uma parada com o blog, mas pretendo retornar logo, tomara!
abraços brejeiros

Por que você faz poema? disse...

Já perdi a conta
de quantas vezes
me perguntei:
- E agora?

Karina Lerner disse...

em guerra com o silêncio
já nem sei mais o que é ruído
o que é pensamento

beijos, k.

Camila disse...

Gostei dessa frase .

Postar um comentário

Suje a vontade...