terça-feira, 17 de agosto de 2010

Sobrepeso.

Sinto sobre o meu corpo,
Todo peso do mundo
Toda água do mar
Todo calor do sol
Toda pressão do ar
Todo frio dos pólos.

Tudo junto e separado
A me consumir,
A me sufocar,
Sem chance alguma
De poder respirar.

Mas respirar é viver
Então, sem chance alguma
De sobreviver.

*Será que alguém pode segurar meu mundo só por cinco minutinhos?

19 Imundices:

Gabe Candido disse...

Eu seguro!
Mas não sei se é possível tirar o mundo das nossas costas. Eu nunca consegui, só aprendi a não respirar.
Beijo

Ananda Cavalcanti disse...

adoraria te ajudar, meu amigo.. o mundo as vezes pesa demais, mas acredite, você pode segura-lo sim, você é forte e especial! Um beijo saudoso,

Ananda

Allyne Araújo disse...

o mundo pesa muito.. o meu nem se fala.. questao de equilíbrio imundo... beijos e sim, pode me trazer o chocolate.. srsrs beijos!!!!!!!!!!!!!

disse...

Eu também sinto, eu tambem sinto!
):
E tudo o que eu queria era alguém pra segurar meu mundo comigo, nem que fosse por uns 2 minutos, ó. rs

HAHA Beijo!
Ficou demais isso aí!

Anônimo disse...

Escrever é seu grande dom.
É uma boa forma de carregar o mundo, e você carrega com muita classe, leveza e beleza.
Sempre que você pedir eu seguro o mundo com você ou para você. Tenho certeza que você sabe disso.

Tiburciana disse...

Saudades do meu imundo mais limpo do mundo.
Seguro seu mundo por horas se preciso for.
Como está o lançamento do livro dos teus alunos?
bjos

Diu Mota disse...

Carregar o mundo não me parece de todo o mal. É sentir tudo e entender a força. É render-se a ela. É sobreviver. Viver, qualquer um vive.

abraço forte!
inté

Cleia Lucena disse...

O meu já é tão pesado, mas ajudo sim a vc sustentar o seu e te dou uma dica: apenas respire e siga, pois tudo passa e haverá momentos em que esse peso se torna uma pena por ser tão prazeroso.

bjs

Rafael Castellar das Neves disse...

Dá falta de ar ler este texto...muito bom!! Acho ótimos estes textos que causam reação física, além da emocional! Muito bom mesmo!!

[]s

- maria elis disse...

às vezes, é melhor deixar o mundo cair :)'

beijas imundo :*

Erica Vittorazzi disse...

Seguro o seu e você segura o meu, pode ser? Mas, não escrevo tão lindamente assim...


beijos

Lisa Alves disse...

Carregar o mundo nas costas e ainda conseguir respirar no final. Será que existe um final para esse fardo?

nada complicada disse...

Por cinco minutos eu seguro seu mundo, mas só se vc segurar o meu ;) rsrsrs...

Bom fim de semana pra vc

bjinhos

Piccoli disse...

Hoje em dia todos nós sentimos o peso do mundo sobre a nossas costas. O jeito de sobreviver é sendo forte para aguentar. Tomara que tudo dê certo na sua caminhada. Só aconselho: seja forte. Depois disso virá uma recompensa imensa. /Blog excelente. Seguindo aqui. :D Beijos.

Anônimo disse...

O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente

E os que lêem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.

E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama coração.

Fernando Pessoa ..... as vezes você me faz lembra o próprio Fernando Pessoa

Tangerina disse...

eu já pediria pra parar o mundo que eu quero descer.

Vanessa Moiseieff disse...

Sentir o mundo, ter a percepção, é viver de verdade! Por mais difícil que seja, é lindo! Viver sem isso, viver sem viver, não sente, não pensa, não é!

Reh.invente disse...

Em momentos difíceis é preciso pensar em alguma coisa bonita. (Olga Benário)

Bem-vindo a Lei, lei da sobrevivência.
Sei que vai entender esse breve comentário forasteiro. Bj

Paulo Francisco disse...

O texto é muito bom. Eu quero o AR. Eu quero VIVERAMAR. Um abraço.

Postar um comentário

Suje a vontade...